Como é feita a avaliação de carro usado?

As locadoras de veículos trocam seus veículos com frequência, pensando em ter uma frota sempre moderna. Sendo assim, a avaliação veicular é um ponto importante para quem quer vender um automóvel. 

Logo, conhecer os parâmetros dessa avaliação pode ajudar em uma tomada de decisão, na valorização do veículo ou até mesmo a não ser passado para trás.

Acompanhe no artigo como a avaliação veicular é feita em carros usados e suas principais características para que você não deixe passar nada em branco. 

O que é avaliado na hora de vender um carro usado? 

Existem itens específicos que devem ser observados com atenção por você e por empresas que fazem a avaliação veicular.

Em geral, os quatro parâmetros são: motor, pneus, lataria e estado geral de conservação. 

Estado do motor

Aqui é importante ver o manual do veículo e verificar se as manutenções foram feitas em concessionárias que são autorizadas pelo fabricante do carro. 

Se o veículo foi comprado anteriormente e você não tiver os registros citados acima, procure o dono anterior e peça a demonstração de todos os reparos realizados. 

Procure observar as partes onde contenham borracha, se as mesmas estão em um bom estado de conservação.

Itens como nível de óleo, mangueiras e vazamentos também devem ser verificados. 

Por fim, também é importante dirigir o veículo e observar seus sons, como o barulho que o motor emite. 

Estado dos pneus

O estado dos pneus também é um excelente parâmetro para saber mais sobre o carro. 

Se estiverem desgastados, ou com desgaste irregular, é importante ficar em alerta. Pois aqui eles indicam falta de alinhamento e balanceamento. 

Ainda, não deixe de conferir a parte interna dos pneus, pois em situações de bolha, é essencial fazer a sua troca. 

O estado geral de conservação 

De forma geral, é importante que o veículo esteja em um bom estado de conservação. 

Deixar o interior do carro limpo, como bancos, assoalhos e carpetes pode ajudar na valorização do mesmo. 

Ainda, os pedais são parte importante mas que muitas vezes podem ser deixados de lado. Por isso também é importante verificar se os mesmos estão normais. 

Saiba que a má conservação pode mostrar a idade do carro e diz muito sobre os cuidados que a locadora teve com ele. 

A lataria 

Por último, mas não menos importante, é significativo verificar toda a extensão do veículo. 

Pinturas diferentes em algumas peças geralmente indicam que o carro foi batido. 

Lembre-se que ferrugem é algo inaceitável pois mostra que o carro mal chegou a receber os cuidados básicos para sua conservação. 

Em caso de uma micro pintura ou pequenos amassados, considere corrigi-los, pois isso pode implicar pontos contra para uma venda. 

Documentação 

Estar com a documentação do veículo em dia pode pesar muito na avaliação de um carro, mesmo que usado. 

Estar com o IPVA e licenciamento pagos podem ajudar na sua venda ou troca. 

O DUT (Documento Único de Transferência), que é o recibo de compra ou venda de um carro, não deve estar em aberto, e o documento deve estar no nome do proprietário. 

Acompanhe outros pontos que devem ser avaliados quando se trata da documentação: 

  • Multas de trânsito quitadas ou não;
  • Financiamento em aberto;
  • Veículo vistoriado;
  • Se o manual completo e chave reserva vão junto com o carro. 

Saiba que a documentação costuma ter mais peso no valor do veículo do que problemas mecânicos. 

Isso acontece pois a documentação é uma parte burocrática que leva mais tempo para ser resolvida. 

Em quem confiar para fazer esse tipo de avaliação? 

Para saber o valor de um veículo usado, uma vistoria veicular deve ser feita de forma correta por um bom profissional.

Hoje existem empresas especializadas que fazem esse tipo de avaliação, mas você também pode contar com uma oficina mecânica de confiança.

Se o intuito da sua locadora é vender um ou mais veículos, é recomendado entregar o veículo nas melhores condições possíveis, até para que você o venda num bom valor. 

Para quem tem o interesse em comprar, a revisão mecânica ajuda a evitar possíveis arrependimentos. 

Ao tomar essa decisão, lembre-se dos itens que devem ser conferidos! 

Como vimos, a avaliação de um carro usado não é tarefa fácil e demanda bastante atenção e cuidado. 

Alguns itens podem influenciar mais que outros, porém ambos devem ser verificados e caso necessário, corrigidos. 

Para te auxiliar, na avaliação dos seus carros usados, disponibilizamos um material completo para a verificação do estado dos veículos.


Clique aqui e tenha acesso ao nosso check list de vistoria veicular.

Postado em Estratégia